Linha Retrô: O antigo que nunca sai de moda

Linha Retrô: O antigo que nunca sai de moda

O estilo Retrô é muito conhecido no meio popular hoje em dia, assim como as roupas que saem de moda uma época e acabam voltando em outra, os móveis acabam seguindo esse mesmo princípio. Hoje vamos falar um pouco sobre o estilo Retrô, e como podemos utilizar os traços antigos, para fazer uma decoração mais elaborada, e claro, sem perder a essência do charme que essas peças passam.


  • Como surgiu? O'Que define o retrô?

  • O Retrô surgiu na tentativa de reviver o estilo nas roupas e nos móveis das épocas de 20, 30, 50, 70 e até final de 90. Móveis e roupas dessa época, são muito procurados hoje para “transformar o antigo em novo”, dando uma repaginada, e aplicando traços mais modernos. A cultura da época é muito marcada pelas “Danceterias” e pelos apelos de cores bem chamativas. Um dos principais pontos, é o uso de linhas retas, formas geométricas, é muito comum lembrar de cômodos com decoração no xadrez, listrado ou então uma fusão de cores sem fim. Contando também com os pés palitos, que são apresentados em diversos tipos de móveis como: cadeiras, mesas, sofás e poltronas. Nas roupas, estampas coloridas e fusões entre listrado, florido e manchado também são muito típicos.


  • Então podemos chamar de vintage?

  • Os dois têm a mesma origem, tanto o Vintage como o Retrô nasceram com a visão de trazer coisas antigas para os estilos atuais, porém a principal diferença entre o retrô e o vintage, é o uso. Explicando de forma sucinta,  a vertente mais sólida da cultura vintage cita que podemos usar coisas  antigas, para decorar e assim trazer um pouco da época consigo, sem se importar muito que esteja funcionando, ou que seja usual. Já o retrô, também explora essa mesma ideia, mas com uma visão mais utilitária. Servem como decoração, mas também são extremamente funcionais. O retrô procura criar móveis que possam ser usados nos dias de hoje, mas com a cara dos móveis antigos, trazendo estilo sem tirar sua utilidade.


  • Exemplos

  • Para deixar a ideia de o que é o retrô e o'que é vintage, selecionamos alguns exemplos para que o estilo fique um pouco mais claro e tbm para diferir os dois estilos.


    • Máquina de escrever, vitrola, discos de vinil, câmeras de pólvora, telefone de discar: São alguns exemplos do estilo vintage, não tão funcionais, mas preservar aquele gostinho das épocas em que eram a “tecnologia do século".

    • Mesas redondas e pés palito, sofá com acabamento liso, poltronas redondas, cadeiras com armação de ferro:  todos esses são exemplos de itens usuais, e que podem muito bem ser usados no dia a dia fazendo parte do layout do seu lar.

  • Como criar um ambiente retrô sem medo?

  • A gama de combinações que o retrô proporciona é incrível, você pode decorar apenas com um móvel único, deixando ele a vista, ou compor cômodos inteiros apenas com a mesma linha, um dos ambiente mais fáceis de se trabalhar, é a Sala de Estar, nela você pode adicionar cortinas em tons de branco, com um sofá vermelho, uma bela mesa de centro e poltronas lindas para acompanhar o pacote, realçando ainda mais aqueles tempos calorosos. Colocar algumas decorações ao estilo “hollywoodiano” também traz o contraste rebuscado da época, com fotos de figuras icônicas da era do cinema, vasos exuberantes, e uma paleta bem colorida.


  • Mas por quais móveis eu devo começar? 

  • Aparadores, balcões, mesinhas de centro, até mesmo poltronas, são móveis que não demandam tanto espaço, e já podem dar um ideia de como combinar com o retrô, podemos usar alguns exemplos, na seleção Kravo Linha Retrô, você pode ter uma noção de como os móveis podem contribuir para o visual do seu lar, e sentir o'que a velha guarda tem de melhor em estilo e glamour.


  • Exemplos ainda mais visuais: Filmes e Séries

  • A onda retrô também se encaixa nos famosos “filmes de época", e para clarear as ideias, separamos alguns filmes e séries que trabalham muito bem esse tema.


    • As Telefonistas

     A série retrata os anos 20, onde uma das profissões mais importantes foi criada, a telefonista. Retratando a vida de 4 mulheres, a série busca mostrar os desafios e obstáculos que uma mulher enfrentava na época.


    • Era uma vez em HollyWood...

    O filme se passa no período de 1960 onde mostra a vida de Rick Dalton, um ator em decadência que tenta voltar para as telonas junto de seu amigo e dublê Cliff Booth. Muito ambientado nos tempos de ouro do cinema, o filme conta com uma paleta bem viva, retratando cores como: Amarelo, Laranja e Vermelho.

    • Super 8

    O filme se passa no final da década de 70, onde um grupo de jovens tentar criar um filme caseiro para participar de uma competição de jovens cineastas. Porém no momento das gravações uma caminhonete se choca com um trem, logo depois as autoridades chegam ao local, e a cidade muda, coisas começam a acontecer, e pessoas começam a sumir.


    • Peaky Blinders

    A série se passa no final da década de 20, e conta a trama da  família Shelby,  que controla a cidade com mão de ferro, baseada em corridas de cavalo e contrabando, a ganância se torna tamanha que eles querem se tornar os mais poderosos em todo o Reino Unido.


    • Stranger Things

    A série se passa no começo da década de 80, onde um laboratório faz experimentos com humanos, até que um dia, um de seus pacientes escapa, uma garota que nunca conheceu o mundo além do laboratório, e acaba sendo resgatada por um grupo de crianças, começando uma jornada para proteger a garota das garras dos cientistas.



    A cultura retrô é retratada de diversas formas, essa foram só algumas dicas e exemplos de como são usadas, e onde são retratadas. o retro é um estilo muito rico, e conseguir ambientar um cômodo todo, reflete aquela ideia de que o antigo continua sendo extraordinário. 

    Deixe um comentário

    Os comentários precisam ser aprovados antes da publicação.